O QUE É A PRÓTESE FIXA?

É a restauração parcial ou total da coroa de um dente através de uma prótese que é colocada sobre o dente natural previamente preparado e/ou sobre implantes dentários, não podendo ser removida pelo paciente. Poderá ainda ser utilizada para a substituição de um ou mais dentes perdidos. As próteses fixas podem ser coroas ou pontes e têm como objectivo mimetizar ao máximo a dentição natural do indivíduo. Existem outras formas de prótese fixa que não serão aqui abordadas

fixa1

QUAL É O OBJECTIVO DAS COROAS?

As coroas são aconselhadas nos casos em que é necessário conferir maior resistência e durabilidade a dentes danificados, melhorar a estética, o formato ou o alinhamento dos dentes na arcada dentária. Uma coroa também pode ser colocada sobre um implante dentário, repondo a forma e a estrutura do dente natural perdido

QUAL É O OBJECTIVO DAS PONTES?

As pontes são aconselhadas para substituir um ou mais dentes ausentes e são uma sequência de coroas, todas unidas. As pontes podem ser realizadas sobre dentes naturais e nestes casos é necessário que estejam presentes dentes, pelo menos, nos extremos das falhas dentárias. Também podem ser efectuadas sobre implantes havendo necessidade de colocar esses implantes nos extremos das falhas dentárias. Nas pontes mais extensas, podem existir dentes ou implantes entre os extremos para ser possível suportar toda a estrutura.

fixa3

EM QUE SITUAÇÕES ESTÃO INDICADAS AS PRÓTESES FIXAS?

As próteses fixas são indicadas para:

  • Substituir uma grande restauração quando não resta muita estrutura do dente natural
  • Proteger um dente enfraquecido que sofreu fractura
  • Aumentar a retenção e suporte de uma prótese removível esquelética
  • Substituir um dente ausente colocando-a sobre um implante dentário
  • Recobrir um dente com alteração da cor ou forma
  • Proteger dentes desvitalizados em que a estrutura dentária remanescente está fragilizada
  • Substituir dentes ausentes

HÁ NECESSIDADE DE REALIZAÇÃO DE TRATAMENTO ENDODÔNTICO (DESVITALIZAÇÃO) DOS DENTES DE SUPORTE?

Por princípio não, pois o melhor elemento de suporte seria um dente íntegro na sua estrutura e com as gengivas sãs. Porém, se houver dúvidas quanto à saúde da polpa dentária, está indicado o tratamento endodôntico. Além disso, existem algumas situações clínicas que poderão levar à decisão de desvitalizar esses dentes

ESTE TRATAMENTO É SIMPLES?

É simples no entanto requerem uma grande experiência e conhecimento técnicos e científicos por parte do médico dentista, envolve a utilização de materiais e equipamento de elevada qualidade, sendo o trabalho laboratorial executado por um técnico de prótese com conhecimentos aprofundados para o efeito.

O QUE SÃO PRÓTESES PARCIAIS REMOVÍVEIS?

Em situações de ausência de alguns dentes e em que os dentes remanescentes são saudáveis pode optar por este tipo de prótese. É uma prótese removível de estrutura metálica ou acrílica para suporte de dentes artificiais, destinada a restabelecer as funções orais: mastigação, estética, fonética, assim como, a estabilização e prevenção de outros problemas nos dentes remanescentes.

QUAIS SÃO AS VANTAGENS E DESVANTAGENS DE UMA PRÓTESE ESQUELÉTICA EM RELAÇÃO A UMA PRÓTESE ACRÍLICA?

A prótese esquelética tem a vantagem sobre a prótese acrílica de ser mais resistente e mais higiénica, como é uma prótese com uma base metálica pode também ser de menor espessura do que a acrílica, e por isso ser mais confortável. Ela tem também a vantagem de ter melhor suporte do que a prótese acrílica o que impede o seu afundamento na gengiva. No entanto, tem a desvantagem de envolver orçamentos mais elevados do que as acrílicas, devido aos custos do material utilizado e do procedimento laboratorial